jusbrasil.com.br
17 de Dezembro de 2018
    Adicione tópicos

    Após 41 anos dedicados à magistratura, Desembargador Rogério Coelho se aposenta

    Tribunal de Justiça do Paraná
    há 5 meses

    Após 41 anos dedicados à magistratura, Desembargador Rogério Coelho se aposenta

    Magistrado passou por comarcas do interior, pela capital e pelo Tribunal de Alçada até se tornar Desembargador em dezembro de 2004
    Ter, 10 Jul 2018 16:38:00 -0300

    Nesta segunda-feira (09/07) o Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR), por unanimidade, com base em parecer favorável do Departamento da Magistratura, aprovou o pedido de aposentadoria do Desembargador Rogério Coelho.

    Ele se aposenta aos 72 anos de idade, após ter dedicado 41 anos à carreira da magistratura no TJPR.

    Veja mais fotos dos Desembargador e das últimas sessões de julgamento de que participou no FLICKR do TJPR.

    Trajetória

    Rogério Coelho nasceu em 15 de fevereiro de 1946, em Joaçaba (SC). Formou-se bacharel em Direito pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), turma de 1970.

    Após exercer a advocacia em Curitiba de 1971 a 1977, foi aprovado em concurso público para juiz adjunto, tendo sido nomeado em 3 de junho de 1977 para a comarca de Maringá. Após novo concurso, em 9 de agosto de 1978, foi nomeado juiz de direito da comarca de Tibagi, judicando, ainda, nas comarcas de Cascavel e Curitiba.

    Em 8 de agosto de 1997 foi nomeado juiz do Tribunal de Alçada e, em 31 de dezembro de 2004, foi promovido a Desembargador do Tribunal de Justiça do Paraná, onde foi eleito Corregedor para o biênio 2009/2010 e Corregedor-Geral a partir de 7 julho de 2010. Também foi Vice-Presidente e Corregedor do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PR) para o ano de 2012 e presidente em 2013.

    Participou do curso de Direito Civil na Universidade de Coimbra (Portugal), em 1967.

    Foi professor de Direito da Faculdade de Educação, Ciências e Letras de Cascavel, de 1982 a 1987, da Universidade Tuiuti do Paraná, de 2003 a 2005, e da Escola da Magistratura do Paraná, de 2002 a 2006.

    Publicou artigos científicos sobre direito civil, processo civil e direito penal, na revista Bonijuris, no jornal O Estado do Paraná e no livro “Aspectos Polêmicos e atuais dos Recursos Cíveis”, de coordenação de Nelson Nery Jr. e Teresa Arruda Alvim Wambier, em 2006.

    Membro da Comissão Permanente de Organização e Divisão Judiciárias, de 2005 a 2007, da Comissão de Concurso de Juiz Substituto do Estado do Paraná, nos anos de 2005 e 2011, e do Conselho Diretor do Fundo Judiciário, em 2009.

    Recebeu Comenda do Mérito Eleitoral Paranaense, em razão dos relevantes serviços prestados à Justiça Eleitoral, e voto de elogio proferido pelo Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Paraná, pelo inestimável trabalho no Concurso Público para Juiz Substituto.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)