jusbrasil.com.br
8 de Dezembro de 2016
    Adicione tópicos

    TJ-PR - Apelação Crime : ACR 1704301 PR Apelação Crime - 0170430-1

    O CRIMINAL - LESÃO CORPORAL DE NATUREZA GRAVE - INCAPACIDADE PARA OCUPAÇÕES HABITUAIS POR MAIS DE 30 (TRINTA) DIAS E PERIGO DE VIDA - ART. 129, § 1º, INCS. I E II, DO CÓDIGO PENAL - SENTENÇA CONDENATÓRIA DESCLASSIFICANDO O CRIME PARA LESÃO CORPORAL DE NATUREZA LEVE - ART. 129, "CAPUT", DO CÓDIGO PENAL - RECURSO DO MINISTÉRIO PÚBLICO PLEITEANDO CONDENAÇÃO NOS TERMOS DA DENÚNCIA - IMPOSSIBILIDADE - AUSÊNCIA DE LAUDO COMPLEMENTAR - ART. 168, § 2º, DO CÓDIGO DE PROCESSO PENAL - EXAME DE LESÕES CORPORAIS SEM FUNDAMENTAÇÃO - MANUTENÇÃO DA DECISÃO COMBATIDA.

    Tribunal de Justiça do Paraná
    há 15 anos
    Processo
    ACR 1704301 PR Apelação Crime - 0170430-1
    Orgão Julgador
    Segunda Câmara Criminal (extinto TA)
    Publicação
    11/10/2001 DJ: 5982
    Julgamento
    27 de Setembro de 2001
    Relator
    Idevan Lopes
    Andamento do Processo

    Ementa

    O CRIMINAL - LESÃO CORPORAL DE NATUREZA GRAVE - INCAPACIDADE PARA OCUPAÇÕES HABITUAIS POR MAIS DE 30 (TRINTA) DIAS E PERIGO DE VIDA - ART. 129, § 1º, INCS. I E II, DO CÓDIGO PENAL - SENTENÇA CONDENATÓRIA DESCLASSIFICANDO O CRIME PARA LESÃO CORPORAL DE NATUREZA LEVE - ART. 129, "CAPUT", DO CÓDIGO PENAL - RECURSO DO MINISTÉRIO PÚBLICO PLEITEANDO CONDENAÇÃO NOS TERMOS DA DENÚNCIA - IMPOSSIBILIDADE - AUSÊNCIA DE LAUDO COMPLEMENTAR - ART. 168, § 2º, DO CÓDIGO DE PROCESSO PENAL - EXAME DE LESÕES CORPORAIS SEM FUNDAMENTAÇÃO - MANUTENÇÃO DA DECISÃO COMBATIDA.

    Conforme dispõe o art. 168, § 2º, do Código de Processo Penal, para que se caracterize a incapacidade para as ocupações habituais, por mais de 30 (trinta) dias (art. 129, § 1º, inc. I, do Código Penal), é obrigatório o Laudo Médico Complementar, que contenha novo exame descrevendo as condições físicas da vítima, após o 31º (trigésimo primeiro) dia da ocorrência do fato criminoso. Inexistindo o Laudo Complementar, bem como prova testemunhal que supra a falta desse exame, não há que se cogitar em lesão grave. No Laudo de Exame de Lesões Corporais, a simples afirmativa de existência de perigo iminente de vida, baseada em exame superficial e que não fundamenta a resposta, não é suficiente para configurar a lesão corporal como sendo de natureza grave. RECURSO IMPROVIDO.

    Veja essa decisão na íntegra
    É gratuito. Basta se cadastrar.
    Disponível em: http://tj-pr.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/4390945/apelacao-crime-acr-1704301

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)