jusbrasil.com.br
8 de Dezembro de 2016
    Adicione tópicos

    TJ-PR - Apelação Cível : AC 752676 PR Apelação Cível - 0075267-6

    AÇÃO ORDINÁRIA DE OBRIGAÇÃO DE FAZER - LIBERAÇÃO DE HIPOTECA - AGRAVO RETIDO - DENUNCIAÇÃO DA LIDE DO AGENTE FINANCEIRO - INTRODUÇÃO DE FUNDAMENTO JURÍDICO NOVO - INVIABILIDADE - PROCEDÊNCIA DO PEDIDO PARA SER A VENDEDORA COMPELIDA A LIBERAR O ÔNUS HIPOTECÁRIO PENDENTE SOBRE O IMÓVEL - DECISÃO CORRETA - PENA PECUNIÁRIA PARA O CASO DE DESCUMPRIMENTO DA OBRIGAÇÃO - FIXAÇÃO EM SALÁRIOS MÍNIMOS - IMPOSSIBILIDADE - PRAZO CONCEDIDO PARA A RÉ LIBERAR A HIPOTECA - DILATAÇÃO - AGRAVO RETIDO IMPROVIDO - RECURSO DE APELAÇÃO PROVIDO, EM PARTE.

    Tribunal de Justiça do Paraná
    há 17 anos
    Processo
    AC 752676 PR Apelação Cível - 0075267-6
    Orgão Julgador
    5ª Câmara Cível
    Publicação
    27/03/2000 DJ: 5601
    Julgamento
    29 de Fevereiro de 2000
    Relator
    Cunha Ribas
    Andamento do Processo

    Ementa

    AÇÃO ORDINÁRIA DE OBRIGAÇÃO DE FAZER - LIBERAÇÃO DE HIPOTECA - AGRAVO RETIDO - DENUNCIAÇÃO DA LIDE DO AGENTE FINANCEIRO - INTRODUÇÃO DE FUNDAMENTO JURÍDICO NOVO - INVIABILIDADE - PROCEDÊNCIA DO PEDIDO PARA SER A VENDEDORA COMPELIDA A LIBERAR O ÔNUS HIPOTECÁRIO PENDENTE SOBRE O IMÓVEL - DECISÃO CORRETA - PENA PECUNIÁRIA PARA O CASO DE DESCUMPRIMENTO DA OBRIGAÇÃO - FIXAÇÃO EM SALÁRIOS MÍNIMOS - IMPOSSIBILIDADE - PRAZO CONCEDIDO PARA A RÉ LIBERAR A HIPOTECA - DILATAÇÃO - AGRAVO RETIDO IMPROVIDO - RECURSO DE APELAÇÃO PROVIDO, EM PARTE.

    - Se ao ofertar denunciação da lide a denunciante tenta introduzir fundamento jurídico novo, diverso da ação originária, descabe tal denunciação, cuja admissão, na hipótese do inciso III, do artigo 70, do Código de Processo Civil, está limitada aos casos de responsabilidade do garantidor, decorrente da lei ou do contrato.

    - Se resta demonstrado nos autos o inadimplemento do compromitente vendedor de liberar a hipoteca pendente sobre o imóvel adquirido pelos Autores, tem-se por correta a decisão monocrática que dá pela procedência do pedido que visa compelir a Ré a liberar o ônus hipotecário.

    - Vedada, pela Constituição Federal (art. 7º, inciso IV, "in fine"), a vinculação do salário mínimo ao fim colimado pelo Autor, deve ser retificada a multa pecuniária estipulada pelo julgador singular.

    - Exíguo o prazo concedido à Ré para cumprimento da obrigação, dilata-se o mesmo para possibilitar melhores condições de ser solvida a questão.

    Veja essa decisão na íntegra
    É gratuito. Basta se cadastrar.
    Disponível em: http://tj-pr.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/4352456/apelacao-civel-ac-752676

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)